“Causos e Violas das Gerais” traz o violeiro Wilson Dias a Sete Lagoas

Arquivado em: Arquivo-CdB
Publicado sexta-feira, 27 de janeiro de 2012 as 03:00, por: cdb

O projeto itinerante “Causos e Violas das Gerais” nasceu em 2003 com a proposta do SESC/MG valorizar e resgatar as mais interessantes manifestações culturais do povo mineiro. Depois de passar por diversas cidades do interior do estado, em 140 edições, agora é a vez de Sete Lagoas conhecer e reconhecer esse trabalho na apresentação do cantor, compositor e violeiro Wilson Dias e Banda neste sábado (29), na praça Dom Carlos Carmelo Mota, Centro, às margens da Lagoa Paulino, a partir das 20h30, com entrada franca.

O trabalho de Wilson Dias, mineiro do Vale do Jequitinhonha, é reconhecido nacionalmente porque é único. Ele é um pesquisador da música de raiz e possui composições próprias com sonoridade sofisticada e moderna. De acordo com o secretário de Cultura e Comunicação, Fredy Antoniazzi, esta é uma oportunidade de trazer à cidade um projeto que lida ao mesmo tempo com a tradição popular e a sofisticação musical. “É imperdível, vai agradar não somente os amantes da música de raiz e sertaneja, mas também os amantes da boa música. Essa é a função da Secretaria, promover e proporcionar a cultura com entrada franca, de forma democrática”, afirma o secretário.

O PROJETO E SEUS OBJETIVOS
O SESC/MG tem como propósito na realização desse projeto, valorizar a figura lendária do contador de causos, muito conhecida pela cultura mineira. O tocador de viola, por sua vez, é o parceiro ideal do contador de causos. Esses personagens, juntos no projeto “Causos e Violas das Gerais”, formam uma dupla que reforça a arte popular de Minas e ressalta o que de melhor tem o povo dessa terra.